Linux: quais as vantagens e por que incentivar

img-linux2

Qualquer usuário da Internet já viu alguma notícia ou artigo sobre o Linux, ou ainda ouviu falar na escola, no trabalho ou até mesmo em uma roda de amigos sobre esse amplo Sistema Operacional. Apesar disso, muitos ainda não tiveram contato e acabam não percebendo as vantagens e principais aplicações, sendo amplamente visto em smartphones,  computadores pessoais e principalmente em empresas de hospedagens e desenvolvimento.  O seu crescimento é amplamente visto também em outros equipamentos utilizados no dia-a-dia, como eletrodomésticos e meios de transporte, entrando em um conceito recente, a Internet das coisas, onde cada vez mais tudo está conectado.

Resumimos abaixo algumas das principais características e vantagens da sua utilização, as quais inclusive nos deixam entusiasmados a utilizar em nossos servidores e computadores:

Estabilidade

O Linux é conhecido pela ótima estabilidade, podendo ficar anos sem qualquer problema e até mesmo sem desligar, mesmo com atualizações e a instalação de novos serviços e programas. Com um sistema mais estável, o risco de perder dados importantes é muito menor.

Embora muitos usuários o elogiam por não dar problemas com a mesma frequência que o Windows, nem tudo são flores. Claro que alguns problemas existem, alguns usuários relatam alguns travamentos em aplicações de interface gráfica, porém estes problemas não ocorrem em servidores, sendo totalmente gerenciáveis apenas por linhas de comando. Estes comandos podem inicialmente aparentar serem complicados, mas na verdade trazem muita agilidade e liberdade aos administradores do sistema.

Liberdade

Como o Linux é um sistema de código livre, qualquer um pode alterá-lo e deixando-o com as características necessárias para o que for preciso. Existem diversas distribuições com focos distintos: servidor de aplicação, computador pessoal, forense, telefones, entre outros.

Há liberdade para misturar, combinar e escolher o que funcionará melhor para suas necessidades. Com todas as vantagens e liberdade que o Linux fornece no campo dos servidores, não é de se estranhar que governos, organizações e grandes empresas ao redor do mundo – incluindo Google e Amazon  – confiem no sistema operacional de código aberto em sua própria produção.

Segurança

Primeiramente, nenhum sistema é 100% seguro. Se o computador está conectado à Internet, ou é conectado a qualquer dispositivo de mídia, como USB e/ou CD, terá chances de ser infectado. A grande diferença está na forma como o Linux trabalha: diferentemente do Windows, por exemplo, que tende a facilitar a instalação de programas e execução de arquivos para qualquer usuário que for utilizá-lo – abrindo muitas brechas que podem ser exploradas diariamente – para executar um arquivo no Linux, você precisa especificamente dar permissão para isso, e nisso não entra imagens e textos, apenas executáveis, aqueles arquivos que provavelmente instalarão uma praga no seu PC.

Por ser código aberto, temos a vantagem da transparência e a certeza de que nossos dados não serão enviados para qualquer um, já que isso seria facilmente descoberto por qualquer desenvolvedor. No Windows e outros sistemas, entretanto, já foram descobertas brechas que facilitam o acesso de agências de Segurança, como a NSA (pode ser visto aqui). Como nos preocupamos muito com a integridade e confidencialidade de nossos dados, não queremos correr esse risco, e você também não deveria!

Compatibilidade

O Linux além de rápido e flexível, funciona normalmente em praticamente qualquer equipamento. Não importa o modelo ou o processador, mesmo em computadores mais antigos, você pode escolher uma distribuição Linux mais leve.

Além disso, o Linux pode ser modificado tanto para funcionar com poucos serviços, quanto para diversos diferentes. Quer hospedar um banco de dados, um serviço de e-mails, e-commerce, website em praticamente qualquer linguagem, entre diversos tipos de aplicação? Todos podem ser adaptados para um único servidor.

Menor custo

A utilização do Linux, tanto em casa, como em empresas, é totalmente gratuita! Ou seja, não dependemos da compra de licenças caras, e muito menos de ativar ilegalmente utilizando softwares de terceiros que muitas vezes poderão infectar o computador. Mesmo o custo de suporte para um sistema operacional Linux é inferior ao do Windows, simplesmente porque o pessoal técnico pode controlar o sistema operacional de forma mais eficiente.

Quando ocorre um erro no sistema operacional Windows, há pouca coisa que podemos fazer além de esperar por uma posição da Microsoft. Tudo isto acaba por contribuir para o baixo custo e a alta disponibilidade de uma hospedagem.

Enfim, utilizando o Linux, você evita a participação em contratos superfaturados, fica livre de pirataria e ainda pode interagir e compartilhar soluções com a comunidade, valorizando o conhecimento e autonomia local. Por essas questões que não só utilizamos Software Livre, mas também recomendamos a todos que utilizem também em seus equipamentos pessoais.

Entre em contato conosco e peça mais informações sobre nossa infraestrutura e quais ferramentas utilizamos para a hospedagem de serviços e sistemas. Assim como citado acima, podemos adaptar nossos servidores para qualquer requisito de aplicação necessária.